Parceiros

 

© Copyright 2018 - Sindicato Rural de Rio Verde Goiás 
Todos os direitos reservados

+55 64 3051-8700

 

Rua 72 Q, 22 - Bairro Popular,
Rio Verde/GO

 

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon
assinatura branca pqn.png

HISTÓRIA

No início dos anos de 1950, o jovem advogado Lauro Martins batalhava pela criação de uma cooperativa rural em Rio Verde - Goiás. Ao vencer as eleições para prefeito municipal no dia 30 de novembro de 1969 e assumindo o cargo em 31/01/1970. Governou até data igual de 1973. Durante sua gestão, o campo foi sua principal prioridade, não apenas no aspecto de pontes e estradas, mas também, na correção do uso do solo e cooperativismo. A cooperativa sugerida surgiu também nesse período e teve efêmera vida. 
Foi na década de 1950, na sua metade, que nasceu a “Associação Rural de Rio Verde”, esse fato está comprovado em ata pela instituição que o sucedeu, o “Sindicato Rural de Rio Verde”. A data de abertura dessa associação se deu aos 24/04/1958, com 35 produtores presentes, considerados os fundadores. O primeiro presidente da associação foi Nestor Fonseca, tendo como vice-presidente Alcides Gonzaga Jaime. 
Dois anos após o surgimento da associação, houve uma reestruturação do quadro e elegeu-se outra diretoria, comandada agora pelo presidente Wagnei Azevedo Leão. 
A mudança de Associação para Sindicato aconteceu no dia 20 de janeiro de 1968 em Assembleia Geral onde ficou acertado que o Sindicato Rural de Rio Verde se propunha a colaborar com os poderes públicos e as demais associações, tudo no sentido de solidariedade social e de sua subordinação aos interesses nacionais. Nesta mesma data foi aprovada a filiação do Sindicato Rural de Rio Verde à Federação de Agricultura do Estado de Goiás. 
A primeira eleição para a diretoria do Sindicato Rural aconteceu em 10 de agosto de 1968.

DIRETORES AO LONGO DA HISTÓRIA

Associação Rural de Rio Verde

  • Nestor Fonseca (24/04/1958 a 12/06/1961)

  • Saulo de Moraes Garcia (12/06/1961 a 25/06/1963)

  • Wagney Azevedo Leão (25/06/1963 a 20/06/1965)

  • Wagney Azevedo Leão (20/06/1965 a 19/06/1967)

  • Wagney Azevedo Leão (19/06/1967 a 20/01/1968)

 

Sindicato Rural de Rio Verde

  • Wagney Azevedo Leão (20/01/1968 a 02/10/1968)

  • Maurício de Nassau Arantes Lisboa (02/10/1968 a 02/10/1971)

  • Wagney Azevedo Leão (02/10/1971 a 04/01/1973)

  • Juventino Ferreira de Castro (04/01/1973 a 03/05/1973)

  • Nestor Fonseca (03/05/1973 a 19/09/1974)

  • Nestor Fonseca (19/09/1974 a 27/08/1975)

  • Luiz Braz da Silva (27/08/1975 a 29/07/1976)

  • Geraldo Alves de Souza (29/07/1976 a 31/10/1986)

  • João Carlos Carvalho Fonseca (31/10/1986 a 01/11/1989)

  • João Carlos Carvalho Fonseca (01/11/1989 a 25/09/1992)

  • Arsênio do Prado Guimarães (25/09/1992 a 25/09/1995)

  • Juraci Martins de Oliveira (25/09/1995 a 26/09/1998)

  • Juraci Martins de Oliveira (26/09/1998 a 29/09/2001)

  • Pedro da Silveira Leão (29/09/2001 a 27/09/2004)

  • Bairon Pereira Araújo (27/09/2004 a 28/09/2007)

  • Bairon Pereira Araújo( set/2007 a set/2010)

  • Walter Baylão Júnior ( set/2010)

 

DIRETORIA ATUAL

Presidente: Luciano Jayme Guimarães
Vice-Presidente: Ênio Jaime Fernandes Júnior
Secretária: Simonne Carvalho Miranda
Tesoureiro: Olávio Teles Fonseca

SUPLENTES

José Oscar Durigan
Augusto Gonçalves Martins
José Cruvinel De Macedo Filho
Antônio Carlos De Campos Bernardes

CONSELHO FISCAL - Efetivos

Antônio Pimenta Martins
Sadi Secco
Maria Lúcia Prado

SUPLENTES

Celso Leão Ribeiro
Iara Furquim
José Carlos Cintra

DELEGADOS REPRESENTANTES

Walter Baylão Júnior
José Roberto Brucceli

 

SUPLENTES

Helder Bassan Ruy
Sandoval Bailão Fonseca Filho

MISSÃO

  • Representação institucional dos produtores rurais de Rio Verde - Goiás;

  • Orientar, informar e representar os produtores rurais, cuidando de seus interesses institucionais e políticos, prestando serviços de forma eficiente e promovendo a sustentabilidade de sua atividade.

 

VISÃO

  • Melhor representatividade classista, respeitando a cultura, princípios e valores de sua base territorial;

  • Ser referência como uma entidade comprometida com a classe produtora, com responsabilidade social, buscando uma política agrícola efetiva, justa e transparente.

 

VALORES

  • Credibilidade

  • Ética

  • Cooperação

  • Moral

  • União

  • Organização

  • Princípios democráticos

  • Iniciativa

  • Responsabilidade

  • Pró-atividade