Buscar
  • sindicatoruralderioverde

LOJA MAÇÔNICA ESTRELLA RIO-VERDENSE PROMOVE REUNIÃO SOBRE A SEGURANÇA DO MUNICÍPIO




Grandes reduções nos números de estupros, latrocínios, roubos a transeuntes, roubo de veículos e furtos de veículos, comércio, residências e transeuntes. Esses foram os destaques da reunião virtual que aconteceu na noite desta segunda-feira, 14, promovida pela loja maçônica Estrella Rio-Verdense, presidida pelo venerável mestre Augusto Martins.

A reunião que teve duração de aproximadamente três horas, contou com a participação do Coronel Ricardo Rocha Batista comandante do Oitavo Comando Regional da Polícia Militar, do Tenente Coronel da PM Alessandro Arantes Neres de Sousa Comandante do 2º Batalhão de Polícia Militar, Capitão da PM Halisson Oliveira do Prado Comandante da Companhia de Patrulhamento Especializado, Tenente Coronel dos Bombeiros Amilton de Souza Conceição, Delegado Dr. Maurício Antônio de Oliveira Santana titular da primeira delegacia de polícia e do delegado Dr. Elexandre Cezar Rossignolo da delegacia da Mulher, Tenente Coronel Luiz Carlos Morais dos Santos Presidente da Guarda Civil Municipal, além de outros representantes militares, do vice-prefeito eleito Danillo Pereira, membros da loja maçônica, do presidente do Sindicato Rural de Rio Verde Luciano Jayme Guimarães e do presidente eleito do Coderv José Carlos Cintra, representando também a Acirv.

Mesmo em tempos de pandemia, o trabalho das forças policiais não parou, pelo contrário, mudanças aconteceram e o policiamento foi reforçado.

De acordo com o Coronel Ricardo Rocha Batista, comandante do Oitavo Comando Regional da Polícia Militar, desde que assumiu o oitavo Comando Regional da Polícia Militar, algumas reestruturações aconteceram, como por exemplo, o aumento de viaturas nas ruas, comunicação digital de rádio, reformas das instalações do quartel, aquisição de tablets e impressoras térmicas para as viaturas e o melhoramento na patrulha rural, que atualmente conta com um batalhão específico para este fim, além de contratação de pessoas com necessidades especiais para o atendimento no 190. Outro ponto fundamental destacado pelo Coronel, foi com relação as metas. “Trabalhamos com metas de segurança e a cada ano que se passa, conseguimos obter reduções que ficam em torno de 8% em crimes contra a vida e patrimônio por exemplo”. O Coronel comentou ainda que a parceria com a Polícia Civil ajudou muito nas prisões em flagrante, ajudando nos bons resultados das estatísticas. “Vamos fechar o ano com um número de redução quase que na totalidade das modalidades de incidência criminal”. As metas para 2021, segundo o Coronel são: aquisição de tornozeleiras eletrônicas, aquisição de fuzis e de equipamentos de giroflex com câmeras leitoras que ajudarão no patrulhamento diário e a implantação do centro integrado do município.



O Tenente Coronel Alessandro Arantes, comandante do segundo batalhão de Rio Verde apresentou dados sobre o trabalho executado que tem como foco o serviço ostensivo e preventivo, falou da integração das forças policiais, do efetivo, da quantidade de viaturas que rondam os bairros diariamente, do armamento dos policiais e das parcerias que tem facilitado e gerado bons frutos. “Este ano conseguimos recapturar 95 foragidos, fizemos abordagem a 16.926 pessoas e 11.903 veículos e realizamos 1305 prisões em flagrante, 200 a mais do que em 2019”.

Já o Capitão Hallisson Oliveira, comandante da CPE disse que atualmente eles contam com 34 policiais e que grande parte das operações realizadas são para combater o tráfico de entorpecentes. “Desde que eu assumi o comando da CPE nossa equipe já conseguiu apreender quatro toneladas e meia de maconha, além de grandes apreensões de cigarro”. Outro trabalho frisado é o de envolvimento com as crianças da comunidade para que elas saibam escolher o caminho correto, ser uma criança e pessoa de caráter.


Atual titular regional da polícia civil de Rio Verde, Dr Maurício Santana afirmou que após a integração de todas as delegacias em um prédio único, ocorrido em 2010, o trabalho tornou-se mais eficaz. Atualmente existem sete delegados em Rio Verde. “Nosso expediente funciona até às 17:00 horas e depois a central de flagrantes com agentes, delegados e escrivães fica por conta dos atendimentos, o que significa que a delegacia funciona 24 horas por dia”.

Para ajudar no combate à criminalidade, em 2017 foi criada a Guarda Civil Municipal, que conta com um efetivo de 83 homens e tem o objetivo de preservação do patrimônio público municipal. “As demandas da guarda nos causam surpresas, uma vez que ultrapassam a nossa capacidade, mas nos redobramos para prestar um melhor serviço à comunidade”, explica Coronel Luiz Carlos, Presidente da Guarda Civil Municipal.

O Corpo de Bombeiros também apresentou os números de 2020, que chegaram ao total de 7.634 atendimentos, desde resgates, ações preventivas, busca e salvamento, incêndios, defesa civil e produtos perigosos. “Na operação cerrado vivo tivemos este ano um aumento de 14,7% se comparado com o ano passado, sem contar que aproximadamente 800 atendimentos foram realizados pelas brigadas particulares regionais e pelo plano de auxílio mútuo”, reforçou o Tenente Coronel dos Bombeiros Amilton de Souza Conceição.

O vice-prefeito eleito Danillo Pereira ressaltou que a administração vem apoiando muitos as forças policiais, que estão sendo instaladas 53 câmeras de monitoramento pela cidade e que o município só tem que agradecer pelo belo trabalho prestado pelas forças policiais.

O venerável mestre Augusto Martins, o presidente do SRRV Luciano Guimarães e o presidente eleito do Coderv José Carlos Cintra parabenizaram todos pelo trabalho e colocaram as instituições a disposição.


0 comentário

Parceiros

 

© Copyright 2018 - Sindicato Rural de Rio Verde Goiás 
Todos os direitos reservados

+55 64 3051-8700

 

Rua 72 Q, 22 - Bairro Popular,
Rio Verde/GO

 

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon
assinatura branca pqn.png