top of page
Buscar
  • Foto do escritorsindicatoruralderioverde

ENCONTRO NACIONAL DO AGRO MOSTRA A DISPOSIÇÃO DOS PRODUTORES PARA FAZER UM MUNDO MELHOR


Na quarta-feira (10/08), a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), promoveu o Encontro Nacional do Agro, reunindo cerca de 3,5 mil produtores rurais em Brasília. A diretoria do Sindicato Rural de Rio Verde e produtores rurais participaram do evento.

O encontro tratou das questões que já são vitórias no agro e das que estão encaminhando para melhorar ainda mais as condições do setor que alimenta o mundo. O presidente da CNA, João Martins da Silva Júnior, estava satisfeito em ter reunido tantos líderes do agro, “os produtores rurais fazem além de produzir, temos disposição para fazer um mundo melhor”.

Na ocasião o diretor técnico da CNA, Bruno Lucchi, apresentou o documento “O que esperamos dos próximos governantes”, que inclui reformas tributárias, administrativa, política, educação, geração de empregos, segurança, meio ambiente e segurança alimentar, deixando nítido que o agronegócio está ligado e preocupado com os demais setores da sociedade. “Esse documento olha como um todo para as necessidades do Brasil, pois para que o agro vá bem, os outros setores também precisam estar bem”, disse Lucchi.

O presidente da república, Jair Messias Bolsonaro (PL), esteve no evento e ao usar a palavra foi aplaudido de pé pelo público presente, que gritava palavras como “Mito”. O excelentíssimo senhor presidente da república lembrou que o setor não parou de trabalhar em momento algum, gerando emprego e garantindo comida na mesa dos brasileiros. “O agronegócio, o produtor rural, o agricultor familiar, nós somos uma só família. Vocês não pararam na pandemia”, disse o presidente. “Sou chefe da nação, nós somos pessoas de bem e eu estou contente com o governo que estamos fazendo, então não se omitam das suas responsabilidades, falem e façam a diferença”, completou Bolsonaro.

O Ministro da Agricultura, Marcos Montes, falou que o Brasil tem força para tirar o mundo da insegurança alimentar, “o mundo nos respeita e olha para nós com esperança de alimentarmos o mundo. O Brasil entrou nessa estrada e com certeza o agro levantou essa bandeira e a sociedade brasileira hoje entende que nós somos o país, não do futuro, mas que vai salvar o mundo da insegurança alimentar”.


O presidente do Instituto CNA, Roberto Brant e o consultor da CNA, Nilson Leitão, falaram sobre o Cenário Politico e a Agenda Legislativa, explicando a responsabilidade de eleger bons líderes para que o país continue a evoluir.

O agro é um setor abrangente, o que divide opiniões, partindo disso, a produtora rural e comunicadora, Camila Telles, mostrou para os produtores a importância de comunicar o agro com verdades. “Estamos consumindo o agro no café da manhã, no almoço, janta, na roupa que vestimos e em inúmeras outras atividades, então ele está longe de ser o problema, na verdade ele é a solução”, disse Telles.


O presidente do Sindicato Rural de Rio Verde, Luciano Jayme Guimarães, considerou de extrema valia a participação dos produtores rurais e todos os assuntos que foram apresentados sobre o setor e ressaltou a importância de todos serem conscientes de suas responsabilidades com o agronegócio e com o país. “O evento mostrou aos produtores o tamanho de suas responsabilidades e a necessidade de continuar honrando os princípios defendidos pelo agronegócio”.



0 comentário

Comentarios


bottom of page